Projetos estruturantes do CNMM

O Colégio Normal Municipal de Maracás ao longo do ano letivo/2017, passou por uma verdadeira revolução educacional com a realização de vários projetos estruturantes. A nova gestão da Diretora Deda e equipe implementou uma nova dinâmica na produção e desenvolvimento de Projetos Culturais do CNMM. Essa nova política foi possível pela parceria e incentivo aos professores e coordenadores, ampliando a autonomia dentro do ambiente escolar, apoiando incondicionalmente todos os projetos, promovendo novas experiências em políticas culturais
com a juventude estudantil, para avivar o debate e incrementar as práticas artísticas e culturais e ampliar a democratização desses saberes dentro do ambiente escolar.

A arte, a cultura, o cinema, as ciências, a literatura e a prática escolar são expressões da pluralidade de mecanismos simbólicos e de inclusão artística, social e cultural compartilhadas no ambiente escolar. Essa nova gestão democrática foi o grande destaque e fator determinante para o sucesso dos objetivos alçados em todas áreas do conhecimento.   A educação é a ação transformadora da realidade, o desenvolvimento de ações estruturantes resultam na construção do conhecimento de si, do outro e do mundo, das experiências cotidiana, tanto na caráter individual ou coletivo, assim como das formas de representação e “valorização” das expressões da vida cultural.

O principal objetivo desses projetos é o protagonismo estudantil e o despertar dos estudantes, para o desenvolvimento de conhecimento que avancem os padrões estabelecidos pela sociedade. A partir desses projetos, pretende-se incrementar, nos contextos escolares, o desenvolvimento do cidadão mais consciente e participativo, atuando com ações essenciais para o exercício do direito, da valorização das ações que promovam o desenvolvimento de uma sociedade mais ativa e que valorize o patrimônio e a cultura local ,com vistas à formação de uma nova mentalidade cultural em nossa sociedade.

PROJETOS ESTRUTURANTES DO CNMM

  1. Festival de Cinema Maracás

O objetivo do Festival é promover e suscitar reflexões sobre o protagonismo estudantil no desenvolvimento de filmes autorais com desenvolvimento de roteiros originais que provoquem reflexões da sociedade atual, buscando aprimorar o desenvolvimento de produtores de filmes em Maracás. A programação de filmes estudantis exibiu uma seleção de filmes realizados em 2017 com roteiros regionais e temas livres.

2. Saída de Campo Projeto Tamar

O Colégio Normal Municipal de Maracás desenvolveu um projeto cientifico com a coordenação da Professora Sueli nas turmas de Nono Ano dos turnos matutino e vespertino. A saída de campo priorizou o contato direto dos alunos do ensino fundamental com a pesquisa e prática científica. Nessa primeira edição, foi escolhido um roteiro na Praia do Forte em Mata de São João com a visita e aula de campo no Projeto TAMAR, esse projeto conservacionista brasileiro, revolucionou a luta pela preservação de espécies ameaçadas de extinção.

3. Mostra de Ciências

A II Mostra de Ciências do CNMM foi idealizado pela Professora Sueli em parceria com o Professor Valpides, o evento tem  o objetivo de desenvolver os estudantes para iniciação científica e aprimorar os conhecimentos adquiridos em sala de aula, através de projetos educativos. O incentivo a pesquisa transforma e estimula novos horizontes no ambiente escolar.

4. FLIC CNMM

O Colégio Normal Municipal de Maracás e o núcleo de professores de Língua Portuguesa, Literatura e Redação organizaram a Primeira Feira Literária do Colégio Normal Municipal de Maracás. As turmas do Ensino Fundamental dos turnos matutino e vespertino apresentaram todas atividades desenvolvidas ao longo do ano letivo. Nessa primeira edição,  as apresentações de contos, histórias, poemas, conteúdo de filmes exibidos em sala de aula foram expostos pelos alunos que desenvolveram trabalhos com rica literatura e contribuíram para efetivação do conhecimento na busca por um mundo melhor.

5. Bravo Afro Brasil

Após 126 anos da abolição da escravatura no Brasil, ainda existe muito preconceito sofrido pelos negros. O Dia da Consciência Negra é utilizado pela sociedade brasileira para o reconhecimento da importância e da valorização da cultura africana no País. Trabalhar a consciência negra requer um tempo maior, muito mais que um dia, por isso, será dedicado o mês de novembro, para debates e reflexões sobre as diferenças étnicas e a importância de cada um no processo de construção de nosso país, estado e comunidade. Serão aplicadas atividades relevantes, que minimizem o preconceito de modo geral, dentro da escola, criando espaços para manifestações artísticas que proporcionem reflexão crítica da realidade e afirmação positiva dos valores culturais pertencentes a nossa sociedade.

 6. Homenagem a Diretora Marlene Passos

A professora Marlene Passos é uma pessoa que muito contribuiu para crescimento educacional de Maracás e consolidou sua gestão durante vários anos na direção do Colégio Normal Municipal de Maracás. A personalidade forte, dedicação exclusiva e amor incondicional pela educação, elevou o nível educacional da instituição e marcou um período de excelência na frente da mais antiga e importante escola municipal de Maracás o que faz jus a uma singela homenagem a uma das pessoas mais importantes da história do município. No fim da cerimônia, foi realizada uma apresentação musical com os alunos de sexto ano da Professora Vane Caetano. 

7. Cultura Indígena

Os professores de história do Colégio Normal Municipal de Maracás elaboram um projeto de Valorização da Cultura Indígena nas turmas de sexto ano matutino.  A cultura Indígena que por sua vez possui uma influência forte na nossa formação cultural possibilitando um resgate e preservação da cultura Brasileira em suas diversas variâncias.O projeto foi desenvolvido pelo alunos com apresentação de maquetes, artes plástica indígena, artesanato, danças e músicas temáticas para celebrar a diversidade indígena na cultura brasileira.

veja também
error: Content is protected !!