Criação da Raça Girolando em Maracás

O Sítio Belo Horizonte em Maracás vem inovando na criação da Raça Girolando pela qualidade genética dos animais e no manejo, adaptando os problemas referentes aos baixos índices pluviométricos com alternativas inteligentes de convivência com a seca, ampliando alimentação do rebanho e com ganhos significativos na produção do leite.

Criação da Raça Girolando em Maracás

Os pecuaristas Adriano e Anselmo Borges Meira fizeram um grande investimento em infra—estrutura, qualificação profissional, melhoramento genético e acompanhamento técnico realizado constantemente pelo zootecnista Gabriel Khoury da Costa, profissional especializado na Raça Girolando no Brasil.

Os resultados obtidos com o manejo estão superando as expectativas, tanto na produção e qualidade do leite quanto na adaptação da raça a essas condições mais extremas de produção. Os produtores optaram exclusivamente pelo confinamento com acompanhamento intensivo, priorizando a sanidade do rebanho, melhoramento genético e monitoramento constante da produção.

Criação da Raça Girolando em Maracás

O Núcleo de Produção Leiteiro no Sítio Belo Horizonte é pioneiro com a criação da Raça Girolando na região. Utilizando um alto grau tecnológico, alcance de uma produtividade acima da média, rusticidade da raça na adaptação às particulares climáticas de Maracás, ou seja, na Zona da Caatinga, com chuvas concentradas e grande período de seca. Aliás, a região passa pelo pior período de seca dos últimos 100 anos, comprovando assim que mesmo em período crítico, o rebanho Girolando vem ganhando produtividade e qualificação genética na região.

 

Criação da Raça Girolando em Maracás

veja também