Mercedes-Benz O-371: um marco na história.

Essa é uma pergunta que provavelmente só os mais jovens tenham: porque o Monobloco O-371 é uma paixão tão grande para os busólogos? À primeira vista, o design lindo e a nostalgia parecem a resposta. Mas a história vai muito além. 

Mercedes-Benz O-371: um marco na história.
Mercedes-Benz O-371

Fabricado na planta de Campinas, no interior de São Paulo e lançado em 1987, o modelo foi sucesso imediato e revolucionou o mercado: representando um novo patamar em modernidade, tanto que alguns de seus itens de linha são usados até hoje. 

Logo de cara, o conforto era visivelmente superior ao padrão dos ônibus urbanos de sua época. A ergonomia dos bancos, os corredores e portas mais largas tornavam a viagem muito mais agradável. Outra novidade, que hoje em dia pode até parecer banal pela sua simplicidade, foi na verdade uma grande mudança: a indicação com letreiro eletrônico “Parada Solicitada”. 

Do seu primeiro modelo até 1994, uma série de versões foram desenvolvidas e ganharam o país, sempre com o mesmo espírito inovador a cada lançamento. Seja no design, desempenho, na usabilidade ou em detalhes mais técnicos, a busca por avanços marcou a linha e foi sempre feita pensando em tudo, até nos mínimos detalhes. Em busca de alternativas ao diesel, por exemplo, foram desenvolvidas versões com motor a gás natural e também o trólebus. 

Em 1994, era lançado o O-400, mantendo ainda a mesma base do O-370, com algumas mudanças estéticas, sendo produzido até 1996, quando encerrou-se a era dos monoblocos no Brasil. É preciso reiterar que, apesar de algumas mudanças nos modelos posteriores, a estrutura do O-370 manteve-se firme durante todos esses anos.

O objetivo deste post é justamente homenagear a linha rodoviária dos O-370, considerando principalmente os aspectos avançados do projeto e do design. Um detalhe memorável eram os porta-pacotes fechados, semelhantes aos encontrados em aviões. O interior realmente trazia uma excelente dose de refinamento (como é possível ver no quarto vídeo). Outros detalhes, como a curvatura na parte inferior da carroceria, permaneceriam exclusivos até recentemente.

Criado com verdadeira paixão pelo coletivo, o Mercedes-Benz O-371 foi um marco na história, e grande parte da evolução no transporte que podemos desfrutar hoje, se deve a ele. E viva o monobloco!

veja também